11 de set de 2017

WRATH SINS: Banda portuguesa divulga capa e conceito de novo álbum “The Awakening”

A banda portuguesa WRATH SINS acaba de liberar a capa do seu novo álbum “The Awakening”, que foi desenhada pelo próprio vocalista Miguel Silva. A banda é natural da cidade do Porto, em Portugal, e é formado por Miguel Silva (vocal e guitarra), Rui Coutinho (guitarra), Ricardo Nora (baixo) e Diego Mascarenhas (bateria). O álbum “The Awakening” será lançado via Raising Legens Records dia 11 de Novembro.
“Estamos imensamente orgulhosos da arte e conceito que atingimos para “The Awakening”. Ao longo de todo o processo de composição deste trabalho, senti-me sugado e transportado para algo acentuadamente obscuro, pesado, sentindo a necessidade de neste segundo álbum tomar controle de todo o processo criativo e aplicar a visão original ao longo da composição. Trata-se do nosso 1º trabalho conceitual em que acho extremamente importante a música e o “rosto” da mesma andarem de mãos dadas, e ninguém melhor que nós mesmos para atentar aos detalhes, sendo que foi onde comecei e onde terminei”, disse o vocalista Miguel Silva.
A capa reflete alguns passos e personagens que serão mostrados ao longo do álbum e da sua historia, em que a banda recomenda atenção as letras que são muito importantes na música. “Não somos uma banda que escreve para ocupar espaço nos temas, tudo esta lá é por uma razão e tudo se conecta ao longo das 10 faixas, e penso que ao longo de todo o processo de design, como desta capa alcancei a representação das mesmas”, explicou Miguel.
“The Awakening” é um álbum muito complexo a todos os níveis, repleto de camadas intrínsecas, sobre algo que se cruza e expande. A história reflete diferentes direções, decisões e imprevisibilidades, num registro metafórico que dirige o ouvinte atento para diferentes desfechos, onde a personagem central perde equilíbrio e balança entre o bem e o mal, o crer e não crer, chegando ao fim e podendo cada um dar o seu desfecho a personagem.
“Este é sem dúvida um álbum muito mais poderoso, agressivo e intenso, onde tentamos elevar e balancear com o nível mais progressivo e melódico que tanto gostamos. Foi um álbum desafiante para mim, a todos os níveis, mas muito revigorante de se concretizar por tudo o que passamos a nível pessoal e de banda. No meio de todo o processo sofremos o golpe da saída de baterista Diogo Marlon, o que levou a uma grande demonstração de força de nossa parte, ao não deixar cair o projeto nem minimamente as datas a que nos propusemos. Batalhamos para conseguir os nossos objetivos e estamos muito satisfeitos com aquilo que alcançamos”, contou o vocalista.

O álbum de estreia da banda WRATH SINS  nasceu em 2015, o aclamado “Contempt Over The Stormfall”, lançado pela gravadora Raising Legends Records (Heavenwood, Equaleft, Web). Neste momento, os músicos se encontram no processo de divulgação do novo álbum “The Awakening” que será lançado dia 11 de Novembro em todas as plataformas de streaming e no formado físico.

Links relacionados:

Fonte
================
   photo ROCKPEDIA.jpg