12/30/2017

[Resenha] PASTORE - "Phoenix Rising" (2017)


Aos 45 minutos do segundo tempo, tenho a honra e o prazer de finalmente escutar o novíssimo e aguardado álbum da banda PASTORE, capitaneado por ninguém menos que o gigante Mario Pastore. "Phoenix Rising" é o terceiro álbum de estúdio da banda, sendo que os anteriores são "The Price For the Human Sins" (2010) e "The End of Our Flame" (2012). Nestes 5 anos depois do último lançamento, Mario Pastore se dedicou a outros projetos e lançou outros trabalhos, além disso, teve tempo para reestruturar o PASTORE para nos presentear em 2017 com este belíssimo trabalho que vou falar hoje.

O disco foi produzido, mixado, masterizado e gravado por Márcio Eidt, que também gravou boa parte das guitarras e ajudou nas letras de “Phoenix Rising”. Márcio fez um trabalho incrível, no nível de grandes bandas mundiais. Incrível como as guitarras ficaram limpinhas e "lisas", não tem nenhuma sobra se quer, você escuta cada nota e isso se estende ao resto dos instrumentos, tudo muito bem alinha e mixado. 

Com 11 faixas, este CD tem a contribuição de vários músicos, como o já citado Márcio Eidt (guitarra), Ricardo Baptista (guitarra), Johnny Moraes (guitarra), Marcelo de Paiva (bateria), Vito Montanaro (bateria), Rafael Dyszy (bateria), Fabio Carito (baixo), Renato Caetano (baixo), além da participação do guitarrista Edu Ardanuy no cover de “Lightning Strikes Again” (Dokken), faixa disponível apenas como bônus track do Japão. Como a minha versão, via Die Hard, é nacional, infelizmente não tenho esta última faixa... vou ter que esperar um pouco para ouvi-la...

Dentre a dificílima tarefa de apontar os destaques, obviamente, tem algumas favoritas. E como não podia deixar de ser, o álbum já abre com uma porradaria suprema em "Phoenix Rising", lembrando muito algo entre Judas Priest e Fight, que sonzeira!! Nem preciso dizer que Mario arregaçou com seus tradicionais agudos cintilantes!

Arrastada e pesadíssima, em "March of War" Mario Pastore alterna entre os drives graves e os agudos rasgados em uma música que também muda constantemente de levadas e ritmos. Uma das melhores do álbum.

"No More Lies" é uma semi-balada pesada, outro ponto forte do trabalho. Ela é arrastada, porém, o trabalho instrumental é frenético, onde a bateria de Vito Montanaro é trabalhada a cada compasso sem espaços vazios. O refrão é especialmente tocante. Você consegue sentir o sofrimento na interpretação de Mario. Linda letra! O final então, é de chorar!

"Salvation in Paradise" tem um clima meio DIO, meio Bruce solo. Ela mistura riffs Hard com uma pegada galopante e quebrada. No refrão, temos um charmoso coro, que deixa tudo ainda mais legal. Outra sonzeira!

Mas talvez a melhor do álbum seja "Holy War". Que pegada fodástica!! Isso é a marca do PASTORE, metal sem frescura, na lata!! O vocal de Mario está particularmente fodástico neste som. Ela me lembrou a pegada do primeiro álbum. Como se diz na gíria popular, isso aqui é "papo reto!". Estará na minha playlist diária sem dúvida nenhuma! 

E como se já não bastasse, as músicas que vem a seguir, mantém o nível da porradaria. "Time Goes By", tem uma levada e um refrão bem empolgantes. Já o primeiro single lançado pela banda, acertadamente e que me fez ficar empolgado com o este lançamento, "Get Outta My Way", meio que resume toda a vibe do álbum e vou deixar o lyric vídeo aqui embaixo para você ter uma noção do que você irá encontrar por aqui.



Não gosto muito de resenhas longas, eu mesmo não costumo ler quando a são. Porém, quando você se depara com uma obra destas, não tem como não se empolgar, ainda mais sendo fã da banda. "Phoenix Rising" é um álbum legitimamente de puro Heavy Metal. Mario Pastore é um gigante do Metal Nacional, uma verdadeira instituição do estilo em nosso país que, muitas vezes, não é tão valorizado como deveria. Dentre os álbuns lançados em 2017, sem dúvida nenhuma, "Phoenix Rising" figura lado a lado aos que estão no topo. Mais que recomendado, audição obrigatória!

Obs: O que está faltando agora na carreira do PASTORE, é um álbum ao vivo, que tal? Ia ser massa!

NOTA - 9,5
=========================
PASTORE - Phoenix Rising (2017)
Tracklist:
01. Phoenix Rising
02. Damn Proud
03. Symphony Of Fear
04. March Of War
05. No More Lies
06. Salvation Paradise
07. I Need More
08. Holy War
09. Time Goes By
10. Get Outta My Way
11. Fire And Ice
12. Lightning Strikes Again (Dokken Cover) (Bonus Track Japan)





================
   photo ROCKPEDIA.jpg