30 de setembro de 2012

[Eu Recomendo] O Heavy Metal dos Anos 90 (1996)

Por Marco Paim

 1996

"Purpendicular" - Deep Purple

Um dos melhores álbuns da carreira do Purple, sem dúvida. Ele marca o retorno triufal da banda após a saída de Richie Blackmore em 1993, e conta com ninguém menos que o grande guitarrista Steve Morse. O casamento é tão perfeito, que o álbum é um desfile de ótimas músicas, bom gosto e inspiração. Destaques para a excelente introdução de "Vavoon: Ted the Mechanic", a incrível levada de baixo de "Loosen my Strings", e a performance memorável de Steve Morse em "Sometimes I Feel Like Screaming", "Rosas´s Cantina" e "Purpendicular Waltz". Um álbum que surpreende a cada faixa.

"The Time Of The Oath" - Helloween

Este é o segundo álbum da banda com Andi Deris, e vê-se que a banda estava cada vez mais afiada e mandando ver em composições realmente muito boas. Temos neste álbum uma banda pesada, rápida e com uma formação muito técnica. Músicas como "We Burn", "Steel Tormentor", a clássica "Power", "A Million to One" e a apoteótica faixa título não deixam você ficar parado. Clássico!

"Louder Than Hell" - Manowar

Pensa num álbum de heavy metal cru, puro e sem frescuras. É este álbum! O Manowar realmente se puxou neste disco! Ele marca a estréia do excelente e virtuoso guitarrista Karl Logan e a volta do saudoso baterista Scott Columbus. O álbum abre com a pesada "Return of the Warlord" e é precedida do hino "Brothers of Metal pt2". Destaque também para a clássica "The Gods Made Heavy Metal", e a performance arrasadora de Eric Adams em "Courage" e "The Power".

"Tunes of War" - Grave Digger

Este é um álbum conceitual  e o primeiro de uma trilogia sobre as batalhas entre clans medievais e a independência da Escócia da Inglaterra, contada por uma banda alemã. O Grave Digger é uma das maiores bandas do metal alemão e se destaca pela voz peculiar de Chris Boltendahl, extremamente agressiva.
Neste álbum há grandes músicas como, "Scotland United", "The Dark of the Sun", e um dos maiores clássicos da banda "Rebellion (The Clans Are Marching)". Sem contar a introdução fantástica com gaitas de fole em "The Brave".

"Into The Unknown" - Mercyful Fate

Grande álbum, nele temos um grande momento do Mercyful Fate, que vinha lançando ótimo álbuns. Foi na turnê deste álbum que a banda pisou por aqui no Philips Mosters of Rock de 96 em uma apresnetação clássica. Naquela época, os clipes do Mercyful e King Diamond eram vinculados em grande escala em canais como MTV. Destaques para "The Uninvited Guest", "The Ghost of Change", "Listen to the Bell" e "Katutlu (The Mad Arab part 2)".

"The Dark Saga" - Iced Earth

Neste álbum, Jon Schaffer, líder e principal compositor da banda, se inspira no persoagem de quadrinhos Spawn para compor o álbum. Este foi o álbum que elevou o Iced Earth ao patamar mundial, dando oportunidade de uma grande turnê pela Europa e conquistando uma verdadeira legião de fãs.
Destaques para os clássicos "The Dark Saga", "I Died For You", "Violate", "The Hunter" e o ótimo cover de "Hallowed Be Thy Name" do Iron Maiden.


"Roots" - Sepultura

Metal brazuca lietralmente! Este álbum do Sepultura é o que mais traz a influência do ritmo percussivo brasileiro e muito experimentalismo. As músicas "Itsári" e "Jasco" foram gravadas em uma tribo xavante, e "Ratamahatta" conta com a participação do cantor brasileiro Carlinhos Brown. Este álbum foi um grande divisor das águas para a banda, pois seu aspecto inovador não agradou muito seus fãs mais antigos. Porém o álbum se tornou uma referência para várias bandas que posteriormente seriam chamadas de nu metal.

"Skunkworks" - Bruce Dickinson


Este é o álbum do Bruce Dickinson que mais gera controvérsias entre seus fâs. Eu particularmente adoro! Ele é cheio de harmonizações em seus riffs de guitarras, mas sem perdero peso e a pegada, graças ao ótimo guitarrista Alex Dickson (que não tem nenhum parentesco). Era para ser uma nova banda com o nome do álbum, mas acabou não vingando. Bruce mais uma vez mostrou sua versatilidade como um dos maiores cantores da história do rock em musicas como "Space Race", "Back From the Edge", a minha favorita "Inertia", "Dreamstate" e "Innerspace".

Outros Álbuns lançados neste ano


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário