18 de junho de 2013

[Resenha] DRACO: Celebração ao rock pesado

[Resenha] Por Geraldo Andrade


Conheci a DRACO alguns anos atrás, de lá pra cá, a banda teve muitas mudanças, teve momentos históricos, evoluiu muito, e hoje certamente é uma das bandas mais pesadas do rock gaúcho. No ultimo domingo, 16 de Junho, tivemos o show de aniversário dos 10 anos da banda, em Porto Alegre, no Dhomba.

Recebi o convite do meu velho amigo Leo Jamess, vocal/guitarrista da DRACO, então acordei sabendo que o domingo seria um dia histórico.

O dia amanhece muito bonito e quente, com passagem marcada para as 11 horas e 15 minutos, chego à rodoviária de Caxias do Sul, 15 minutos antes do embarque, faço um tradicional lanche e logo vou para o ônibus. Depois de uma viagem tranquila chego a capital e o tempo continua perfeito. Antes de me encaminhar para o Dhomba, passo no ensaio da ROSA TATTOOADA, mas é um assunto para um próximo post.

Chego ao local do show às 18 horas, ligo para Jamess, que logo chega para me receber. Entramos no Dhomba e já se notava o agito que ia ser à noite, palco quase pronto, só faltava à passagem de som. Logo encontro o baixista da banda, Beto Pompeo, conversamos, trocamos ideias, rimos muito, o clima estava perfeito para uma “festa de aniversário”. 

A banda que está de aniversário mas, quem ganha um presente sou eu (risos), ganho da banda a camiseta dos 10 anos da DRACO, imagina a minha cara (risos) logo já visto o uniforme e fico pronto para a festa.

Jamess e Beto passam o som, o baterista Eduardo Polidori ainda não tinha chegado ao local do show, em seu lugar, o grande baterista da BALTIMORE, João Prates, para fazer o trabalho.

Logo começam a chegar mais convidados, para a minha alegria, chegam os ex-DRACO, a guitarrista Danielle Wilk e o baterista Vinicius Rymsza, não preciso dizer que sou muito fã dessa dupla, e deu para matar um pouco a saudade.

O publico começa a chegar ao Dhomba, muitos músicos de bandas como ZERODOZE, CARTEL DA CEVADA, BALTIMORE, PARASITE KISS COVER, ROSA TATTOOADA, marcam presença no show, estão ali para dar os parabéns para a galera da DRACO. A união das bandas, isso é muito importante e só ajuda no crescimento da cena local.

Confesso que o publico não foi o esperado, mas certamente quem estava ali é porque gosta e presenciou um show matador, pesado, onde vimos uma banda muito entrosada. Provavelmente a banda vive um dos seus melhores momentos. A entrada de Eduardo Polidori trouxe mais peso ao grupo, o cara entrou como uma luva, formando com Beto, uma cozinha afinadíssima. E Jamess? Anda bebendo muito na fonte do Sr. Zakk Wylde, a guitarra está pesadíssima, isso é muito bom. Está cantando muito, os caras vivem um grande momento, não dá para negar isso, é muito bom ver mais uma grande banda do nosso estado evoluindo e crescendo a cada dia que passa.

Leo Jamess merece os parabéns especiais, ele está à frente da banda nesses 10 anos, é o membro fundador, o cara que nesses 10 anos lutou muito para que a banda chegasse onde está. O conheço, e sei da batalha que é para a banda chegar a esse momento, parabéns Leo!

E as musicas? Não vou destacar uma a uma, todas foram perfeitas, uma noite perfeita, onde tivemos clássicos como “Botar Pra Correr”, “O Inferno é Aqui”, “Lugar Algum”, a minha favorita “Louco da Estrada” e a nova e pesada “Egoísta”, que mostra que vem muito peso por aí, e digo novamente, isso é bom! E não podemos esquecer de comentar “Contrato com o Diabo”, onde temos a super-participação da “Diabinha”, Charise Emerim, que dá um clima perfeito para a música e o show. Um verdadeiro show a parte da Diabinha.

Também tivemos covers de METALLICA, KISS e participações de muitos convidados especiais, como Danielle Wilk, Vinicius, Felipe Piantá, Fernando André, Marina Garcia.

Infelizmente não fico até o final do show, o ultimo ônibus para Caxias do Sul, era às 23 horas e 30 minutos, como passagem estava comprada, o medo de perder o ônibus foi maior (risos).

Deixo o Dhomba com a certeza de que a DRACO já se firmou como uma das grandes bandas da nova geração do rock gaúcho, e chegou para ficar! Ainda vamos ouvir muito dessa grande banda. E 2013 vêm com muita novidade, e boas, vamos ficar ligados nas novidades da DRACO.

Galera! Parabéns pelos 10 anos! Que venham muitos e muitos anos pela frente, regados a muito do bom e pesado rock n roll! 

Mais um destaque do show foi o ingresso, não tinha um valor para se pagar, a entrada era um agasalho, que posteriormente seriam doados, então quero dar os parabéns ao publico, que caprichou nas doações!
É Muito bom ver o pessoal, principalmente, a galera que curte o rock pesado, participando em peso e cada um trazendo sua doação, parabéns ao Draco Army!

Presentinho pro Gege
Presentinho pro Gege II
Presença ilustre de Jacques Maciel do Rosa Tattooada
Ex-integrantes da Draco  Danielle Wilk e Vinicius Rymsza
Gege com a "Diabinha", Charise Emerim






Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário