24 de setembro de 2013

[Resenha] ANDRÉ MATOS e VIPER - Rock In Rio 2013 - (22/09/2013)

[RESENHA] Por Geraldo Andrade


Vamos começar as histórias do Rock In Rio, vou começar falando do primeiro show que assisti. Minha estreia no RIR não podia ter sido melhor, com um calor beirando aos 40°C, finalmente entro na Cidade do Rock. Após uma imensa fila e sem tumulto, coloco os pés nesse grande templo do rock mundial.

E para minha alegria, de cara ouço o som vindo do Palco Sunset, corro até o local e lá estava começando o show de um dos maiores vocalistas do rock brasileiro: ANDRÉ MATOS com sua banda. Em uma apresentação curta, ele colocou dois clássicos do ANGRA: "Carry On" e "Angels Cry". Não preciso dizer que o publico que já estava em bom número, veio à loucura, ouvir esses clássicos na voz de Matos, é de emocionar.

E as coisas começam a melhorar, e todos começam a ouvir um dos maiores clássicos do metal brasileiro: de "Living For The Night" do VIPER e para deixarem o publico mais “louco”, entram no palco Felipe Machado, Pit Passarel, Guilherme Martin e Hugo Mariutti, foi emocionante, para mim, nunca tinha visto o VIPER ao vivo e ainda mais, com André Matos, tivemos músicas do clássico “Theatre Of Fate”, álbum de 1989. Um dos momentos especiais foi quando o VIPER toca uma das minhas favoritas da banda: “Rebel Maniac”, momento de voltar aos anos 90, foi bom demais. 

Infelizmente o show tem que terminar, e André Matos comenta, que a ultima música é uma homenagem ao maior ídolo do Rock In Rio em todos os tempos: Fred Mercury. E “detonam” "We Will Rock" do QUEEN, mais um momento emocionante do festival, bom demais para ser o primeiro show que assisti todos ali presentes cantaram juntos com VIPER e ANDRÉ MATOS, perfeito demais. Fechando assim, a primeira apresentação do dia.

Agora é descansar um pouco, beber água, porque o sol e o calor já marcavam presença (risos). E logo mais teríamos o grande DESTRUCTION e KRISIUN.






Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário