2 de março de 2014

[Resenha] WAGNER GRACCIANO - "Across the Universe - The Beginning and the End" (2013)

[RESENHA] Por Marco Paim


Ecletismo, versatilidade e espiritualidade são as palavras de ordem neste trabalho. O guitarrista goiano WAGNER GRACCIANO lançou em 2013 seu debut álbum, "Across the Universe - The Beginning and the End", onde em 10 fiaxas faz você viajar por diferentes temas muito bem inspiradas. Do hard ao fusion, do metal ao gospel, este álbum é um apanhado de tudo Wagner tem na manga como instrumentista.

Demonstrando ser uma pessoa religiosa, no encarte do álbum, em cada música há uma passagem bíblica dando sentido a ideia que o guitarrista quis passar em cada faixa. Como em meu primeiro destaque, "Broken System", uma músicas com um clima enigmático e com um ótimo tema, que vem com uma passagem de Corintios, que diz que o indivíduo "deve tornar-se "louco" para que se torne sábio". Bem interessante ouvir os sons e ler as passagens, você sente a inspiração. Outros destaques são as músicas "Across the Universe Part I", com outro grande tema emocionante, lindo na verdade. "As a Prayer", é uma balada com um clima meio blues, meio gospel, com um final floydiano com a participação de Adhemar Rocha e Roberta Gleyce fazendo ótimos corais e solos vocais.
Agora vem a viagem em quatro atos, no que eu acredito ser a "Across the Universe Part II". Começando com "Act I - A Breath of Life", que conta com os arranjos geniais de Emanuel Gomes, é uma música totalmente orquestrada e com ótimos samplers,  e ainda tem a participação do violinista Willian Isaac, que enriquece mais ainda a faixa. Sem intervalo, vem a curta  "Act II - When the Eyes Open", onde Wagner retorna com seus solos inspirados, ele me lembrou um pouco Tony MacAlpine nesta faixa. "Act III - The Evil Govermment and the Birth of Good" é a mais pesada e mais progressiva do álbum, com ótimas variações de temas e levadas, que acontecem a todo o momento da música. E por fim em "Act IV - Resurrection, the Victory and Eternity", temos uma introdução em piano a cargo de Alex Parr, com uma releitura emocionante do tema principal do álbum, para logo em seguida entrar a banda e fechar com chave de ouro este álbum genial, com direito a um solo destruidor de Wagner, "pregando fogo" mesmo.



"Across the Universe - The Beginning and the End" é um trabalho que deve ser apreciado por todos que gostam de música de verdade, sem ego e sem malabarismos e com a genialidade de um grande compositor.

====================
WAGNER GRACCIANO - "Across the Universe - The Beginning and the End" (2013)
(Independente)
Tracklist:
01. Journey into the Unknown
02. Broken System
03. Across the Universe: Part I
04. Chaotic World
05. As a Prayer
06. My Own World
07. Act I: A Breath of Life
08. Act II: When the Eyes Open
09. Act III: The Evil Government and the Birth of Good
10. Act IV: The Resurrection, the Victory and Eternity

Músicos:
Wagner Gracciano - Guitarras, violão, sintetizadores, samplers, efeitos, percussão
Adhemar Rocha - Vocais (faixa 05)
Roberta Gleyce - Vocais (faixa 05)
Marcelo Rodrigues - Órgão Hammond (faixas 01, 05 e 08), Rhodes (faixa 02), samplers (faixa 02 e 09), sintetizadores (faixa 02, 04 e 09), piano (faixa 03)
Alex Parr - Samplers (faixa 07), sintetizadores (faixa 07 e 10), piano (faixa 10)
Willian Isaac - Violino (faixa 07)
Foka - Saxofone (faixa 04)
Henrique Reis - Piano (faixa 06)
Manassés - Trompete (faixa 04 e 06)
Luiz Fagner - Trombone (faixa 04)
Brujo Rejan - Baixo (faixa 04), baixo acústico (faixa 06)
Roberto Milazzo - Baixo (faixas 01, 02, 03, 05, 07, 08, 09 e 10)
Guilherme Santana - Bateria

Links relacionados:



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário