19 de setembro de 2014

[Resenha] REPUBLICA - "Point of No Return" (2014)

[RESENHA] Por MARCO PAIM


O REPUBLICA lançou neste ano o seu terceiro álbum, "Point of No Return" e traz aos ouvintes um som que está na linha tênue entre o rock e o heavy metal, digamos, um rock pesado.  Gravado no Electra Estudio de São Paulo, sob o comando de Luis Paulo Serafini, tem outras grandes contribuições em sua ficha técnica, como a produção vocal a cargo de Tiago Bianchi (Noturnall) e a participação mais que especial do guitarrista Roy Z (Halford / Bruce Dickinson) na música "Goodbye Asshole", Falando nisso, conheci a banda no último Rock in Rio e foi exatamente a presença de Roy Z no show que me chamou a atenção e que me fez parar e assistir a apresentação, pois era cedo. O que vi achei muito interessante, uma banda "pregando fogo", e com muita vontade.
E nem preciso dizer que a produção é primorosa, hoje em dia, as bandas realmente estão investindo pesado para que seus trabalhos soem da melhor forma possível, e nossos produtores estão "matando a pau"! 

Destaques
O álbum abre com o riff pesado de "Time to Pay", e de cara já vemos que Leo Belling não está para brincadeira com seu vocal agressivo que em muitos momentos beira o gutural. "Life Goes On" foi a primeira música que ouvi na versão de estúdio, pela Radio Backstage, e de cara achei fodástica! Com seu clima oriental/egípcio, tem um climão envolvente que alterna entre o peso e a calmaria no refrão,l ela ganhou um videoclipe, que pode ser conferido abaixo.
"Goodbye Asshole", que conta com a participação de Roy Z, é um som arrastado ao estilo BLACK SABBATH, com guitarras alternando entre a suavidade e a agressividade com direito aquele final tradicional ao estilo BS, iniciando com um riff acelerado e a banda entrando com tudo. O solo de Roy Z é simples e direto, não empolgou muito.
"No Mercy" é digna de rádio FM, uma semi-balada com melodias cativantes e um refrão meloso, onde Leo faz um de suas raros momentos com voz limpa. Já "Dark Road" é rápida e agressiva, e juro que cheguei a pensar que era  Russel Allen cantando em alguns momentos. Ela me lembrou de longe a carreira solo de Blaze Bayley.



Em resumo, é ótimo álbum, com uma banda que passa ao ouvinte competência e vontade em toda audição. A arte gráfica é excelente, deixando de lado a tradicional caixinha de plástico e adotando modelo de papel, que se dobra em 3 partes, e ainda vem com um excelente encarte de páginas com todas as letras. Minha única ressalva, e tem a ver com meu gosto pessoal, é quanto aos timbres de guitarras e bateria, que realmente não me agradaram muito. Mas isso é coisa minha e que não interfere no trabalho. Eu recomendo!

=============================
REPUBLICA - "Point of No Return" (2014)
Tracklist
01. Time to Pay
02. Why?
03. Life Goes On
04. Goodbye Asshole (feat Roy Z)
05. The Land of the King
06. No Mercy
07. Dark Road
08. Fuck Liars
09. El Diablo

Line-up
Leo Belling - vocal
Luiz Fernando Vieria - guitarra
Jorge Marinhaz - guitarra
Marco Vieria - baixo
Gabriel Triani - bateria



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário