19 de outubro de 2015

[Resenha] HELLOWEEN - "My God-Given Right" (2015)

(Editor / Redator / Músico)
----------------------------


E a "véiarada" tem dado as caras em 2015. Depois do excelente "Straight Out of Hell", a banda parece ter finalmente reencontrado a veia de seu som e lança uma nova paulada, trata-se do 16º full com todo o "direito dado pelo Deus" Metal. 
Quando você olha o tracklist do álbum leva logo um susto, são 16 faixas (13 normais e 3 bônus na versão deluxe) com média de 4 minutos, mesmo assim, acredite, o trabalho é tão bom que você nem vê o tempo passar e logo quer escutar novamente. 
O que mais me chamou a atenção neste trabalho, e também no anterior, foi a revigorada na voz de Andi Deris, pra mim, um dos melhores vocalistas do metal mundial. Já o instrumental parece ter voltado as fontes que deram origem aos clássicos "Master of the Rings" (1994), "The Time of the Oath" (1996) e "Better Tham Raw" (1998). Com exceção das 2 primeiras músicas, que achei as menos interessantes, o restante do álbum, e aqui estamos falando de 14 músicas, são incríveis, confira os destaques:

"My God-Given Right" é rápida, empolgante e traz toda magia do HELLOWEEN presente nos álbuns dos anos 90, confira o clipe abaixo. Daí a coisa fica ainda mais legal com "Stay Crazy", que começa com uma bela introdução de guitarras para logo entrar a voz poderosa de Andi em uma sonzeira de tirar lágrimas dos olhos, neste ponto você já grita: "É essa banda que eu conheci, eles estão de volta!!!"
"Lost in America" traz um clima mais old ainda. Impossível não se reportar aos clássicos "KOTSK" (87/88), lembrando até músicas do calibre do "Future World". e o refrão... bem, o refrão é fodástico. E que voz hein Andi?
Uma das minhas favoritas, "Russian Roulé" é sensacional. Começa com uma guitarra bem rocker, com direito a wah-wah, depois entra um som para headbanger nenhum botar defeito. Destaque para as frases de guitarras lembrando melodias do folclore russo. 
Outra favorita. "The Swing of a Fallen World" é uma das músicas mais legais da banda nos últimos tempos. Trazendo um instrumental arrastado e pesado, a faixa possui uma atmosfera densa e mística com riffs de guitarras de tirar o fôlego. E ainda sobra espaço para um breve momento de "pregação de fogo" na metade da música. E mais uma vez eu repito: Que voz hein Andi?



"Creatures in Heaven" começa com "efeitos helloween" em sua introdução para novamente entrar uma guitarra mais rocker. Depois disso meu amigo, a quebradeira e a lenha come solta! Foda!
"Claws" é uma quebradeira só!! É tantas mudanças de andamentos, levadas e riffs que chega a dar um nó na cabeça e no ouvido. Esse tal Dani Loeble é monstro na bateria! O que esse cara faz nesse álbum, em especial, nesta música, é sensacional.
Com um estilo mais progressivo, lembrando momentos do álbum de 1998, temos "You, Still Of War", com muitas harmonias e orquestrações, com direito a solo de teclados. As levadas de guitarras e bateria, pesadíssimas, são muito legais. E na mesma linha melódica temos o primeiro bônus track, "I Wish I Were There", que é bem legal também, alternando momentos calmos com velocidade e muita criatividade. Com isso finalizo os destaques.

É... esse ano vai ser complicado não se perder em tantos lançamentos bons e importantes para o metal mundial. O HELLOWEEN, mais do que nunca, volta a mostrar seu poderio sonoro e a provar que ainda pode surpreender com sua magia e estilo único e icônico.

=====================================
HELLOWEEN - "My God-Given Right" (2015)
Tracklist
01. Heroes
02. Battle's Won
03. My God-Given Right
04. Stay Crazy
05. Lost In America
06. Russian Roulé
07. The Swing Of A Fallen World
08. Like Everybody Else
09. Creatures In Heaven
10. If God Loves Rock 'N' Roll
11. Living On The Edge
12. Claws
13. You, Still Of War
Bonus tracks
14. I Wish I Were There
15. Wicked Game
16. Free World

Line-up
Andi Deris - vocal
Michael Weikath - guitarra
Sascha Gerstner - guitarra
Marcus Grosskopf - baixo
Dani Loeble - bateria






Comentários
0 Comentários