GOSOTSA - Lança videoclipe de "Pulmão Encardido" com temática atual sobre o Vírus

A letra de "Pulmão Encardido" traça um um paralelo entre a nocividade do coronavírus e as atitudes dos seres humanos nos dias atuais.




O GOSOTSA acaba de lançar o videoclipe de “Pulmão Encardido”, do EP “Bazófia”. O single já está disponível nas principais plataformas de streaming. A faixa traça um paralelo entre a nocividade do vírus e de algumas atitudes que tomamos contra nós mesmos e os demais como uma questão higiênica, sanitária, entre outros assuntos que estamos vivendo na atualidade.

O vídeo foi gravado quando iniciou-se o isolamento da pandemia, com as ruas vazias. Ilustra meu desespero por voltar a ter contato com os caras da banda, seja pixando o nome da banda pela cidade, seja espalhando fotos deles por aí”, explicou o vocalista Drannath.


Formado por Drannath (vocal e baixo), Élitra (bateria) e Malu Gubolin (guitarras), a palavra “Gosotsa” não tem qualquer significado e surgiu de um erro de digitação. O EP a que o single se integra se chama Bazófia e será lançado single a single até completá-lo, em fevereiro de 2020. Por que Bazófia? “porque realmente acreditamos que somos capazes de mudar o mundo com nossa música. Presunçosos ou gênios? Provavelmente o primeiro. Mas quem sabe?”, completou Drannath.

Escute nas plataformas digitais: https://tratore.ffm.to/pulmaoencardido

A capa foi pintada pelo próprio Drannath e o mostra atropelado, com a cabeça aberta, sangrando e pegando fogo, completamente jogado no mundo de matéria, mas ainda “se achando o cara”. Os demais integrantes saltam do caminhão que o atropelou, mergulhando no mundo de matéria bruta com com ele, fechados por um arco. Uma pessoa misteriosa ainda está no caminhão, hesitante. A capa ilustra um monstro emergindo ao centro da cena, algo como “pela união dos seus poderes”. Bazófia: substantivo feminino. Vaidade excessiva e sem fundamento; comportamento afetado; o que chama atenção pela presunção exagerada.

Gosotsa nas redes sociais:
Instagram: @gosotsa

Nenhum comentário:

Postar um comentário