NERVOSA lança álbum pesado e recheado de riffs poderosos

[Crítica]NOTA - 9,5


Foi lançado oficialmente o tão aguardado álbum "Perpetual Chaos", o primeiro com a nova formação da banda.




A espera acabou! Depois da ruptura da banda em 2020, quando Fernanda Lira e Luana Dametto deixaram o grupo para dar origem a outra, chamada CRYPTA (que também tem álbum em produção muito aguardado para esse ano), Prika Amaral teve a dificílima tarefa de recrutar novas integrantes. Antes um Power Trio, agora a NERVOSA se torna um quarteto, e quem acompanha Prika nessa empreitada são: Diva Satânica (voz), Mia Wallace (baixo) e Eleni Nota (bateria). Cada uma de país diferente.

O que encontramos em "Perpetual Chaos" é um set de 13 músicas recheadas de ótimos e inspirados Riffs de Prika Amaral, que exterioriza toda a sua fúria e vontade de fazer acontecer. A voz de Diva não é tão aguda quanto da Lira, inclina mais para o estilo Alissa White-Gluz (Arch Enemy), o que vai, talvez, causar um pouco de estranheza nos fãs antigos, porém, dá aquele ar de frescor, de novidade ao álbum. 

As letras abordam temas atuais, como as famosas fake news e até a agricultura industrial e o impacto no humano contemporâneo. Tudo interpretado no mais alto nível de agressividade da sonoridade da banda, que tem um pé no Thrash Metal e outro no Death Metal. E é muito legal notar o cuidado que a banda teve  com a produção sonora, que está impecável, tudo dosado na medida certa, valorizando cada instrumentista. Mérito da própria Prika em colaboração com o produtor Martin Furia e a masterização de Yarne Heylen.

Vale destacar também que há algumas participações especiais bem marcantes, como Guilherme Miranda do ENTOMBED A.D. Erik "Ak" Krtsun e o Schmier do DESTRUCTION. Feats de peso e que acrescentam ainda mais imersão nos temas abordados. 



Escute o àlbum

Veja os videoclipes de 
"Guided By Evil"

"Under Ruins"





Nenhum comentário:

Postar um comentário