Ex-membros do ACCEPT, HERMAN FRANK e DAVID REECE, anunciam nova banda: IRON ALLIES

Também envolvidos com o projeto estão o baixista Donnie Van Stavern (RIOT) e o baterista Francesco Jovino (UDO, PRIMAL FEAR, VOODOO CIRCLE, JORN ).


Frank, que está promovendo seu quinto álbum solo, "Two For A Lie" , deu a notícia da colaboração em uma entrevista em junho de 2021 com Justin Smulison, da Jace Media .

Ele disse: "Estou trabalhando agora - já estou trabalhando há alguns meses - em outro projeto que quero fazer com um cantor, um cantor conhecido. Ele tocou na mesma banda que eu, mas nós nunca tocamos juntos." (Não foi no mesmo período). Quando Smulison adivinhou que Frank estava se referindo a Reece , o guitarrista disse: "Como você sabe? Bom palpite."


Herman disse que não está envolvido na colaboração contínua de Reece com o ex- guitarrista Andy Susemihl do UDO / SINNER .

"[David está] fazendo seu álbum REECE, pelo que sei", disse Frank. "Mas estou em contato com David . Então veremos. É como o Natal. Acho que temos que esperar mais algumas semanas."

Herman juntou-se ao ACCEPT em 1982, pouco antes do lançamento do álbum "Restless And Wild" da banda e saiu do grupo pela primeira vez após a chegada do LP "Balls To The Wall" de 1983. Quando o ACCEPT se reuniu para apresentações em festivais em 2005, Herman cuidou da segunda guitarra ao lado do fundador Wolf Hoffmann, com Stefan Schwarzmann na bateria.

Frank e Schwarzmann estiveram envolvidos no retorno do ACCEPT com o cantor Mark Tornillo e apareceram nos três primeiros álbuns de estúdio do grupo reunido: "Blood Of The Nations" de 2010, "Stalingrad" de 2012 e "Blind Rage" de 2014 .

Dois anos atrás, Herman disse ao All That Shreds sobre sua decisão de sair do ACCEPT em dezembro de 2014: "Era hora de deixar a banda. Vamos colocar desta forma: Eu queria fazer música do jeito que comecei. Eu queria ter minha própria banda. Eu queria minha própria música e só queria tocar meu próprio solo. Não seguir a guitarra de alguém. Eu estava ficando muito velho para isso. É bom ser um backup, mas depois de alguns anos, é hora de uma coisa diferente. "

Reece foi recrutado para ACCEPT no "Eat The Heat" de 1989, após a saída de Udo Dirkschneider . A voz aguda e limpa de Reece estava em nítido contraste com o estilo distinto de Dirkschneider e, no geral, o álbum foi uma decepção comercial e crítica. No meio da turnê "Eat The Heat" as diferenças entre a banda e Reece chegaram ao auge, levando a uma briga entre o cantor e o baixista Peter Baltes em Chicago. No final de 1989, o ACCEPT o desligou.

David falou sobre as circunstâncias que levaram à sua disputa com o baixista durante uma entrevista com o Metalliluola . Ele explicou: "Peter disse à minha namorada que eu estava tendo um caso. E eu perguntei a ele: 'Você contou a ela?' E ele disse: 'Sim'. Então eu dei um sopapo nele. Isso acabou. Era ruim antes disso, a comunicação. A venda de ingressos não era boa. Estávamos abrindo para WASP "

Ele continuou: "Eu acho que eles realmente pensaram que conseguir o [cantor] americano, eles iriam conquistar os Estados Unidos. Mas o ACCEPT não é muito grande na América, como [na Europa]. É por isso que eles me contrataram - eles queriam uma mudança. E a turnê estava indo um pouco lenta. Fizemos uma turnê principal nos Estados Unidos, [tocando nos] clubes. Isso foi bom. E então saímos com WASP e METAL CHURCH, e foi as salas davam metade do público. Então, eles estavam sentindo o estresse disso, e a comunicação era ruim. Então estava crescendo [as diferenças]."

David disse que lamenta ter agredido seu ex-colega de banda. "Peter e eu somos amigos agora", disse ele, acrescentando que "foi uma decisão ruim" que foi tomada enquanto ele e o resto do grupo estavam sob "muito estresse. Estar em uma banda pode ter muito drama. Ele não tinha o direito de contar a ela, e eu não tinha o direito de esbofeteá-lo. Então, eu me arrependo. "

Reece lançará seu novo álbum solo, "Blacklist Utopia" , em 29 de outubro pela El Puerto Records .

Nenhum comentário:

Postar um comentário